Eu sou um gay enrustido e sociofóbico virgem aos 24 anos!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Eu sou um gay enrustido e sociofóbico virgem aos 24 anos!

Mensagem  neonguy em Dom Out 28, 2012 8:43 pm

Eu descobri que eu era gay quando eu tinha 14 anos, por isso estou um armário por quase 10 anos (e contando ...) Nestes anos, a minha vida está sendo muito chato, eu tenho aquela sensação de que estou perdendo minha juventude. Houve algumas grandes viagens, eu fiz alguns amigos especiais e estudo numa boa universidade, mas ... Por que há sempre um mas! Mas, desde a minha adolescência, eu me tornei mais e mais tímido, evitando pessoas e alguns amigos agradáveis afastaram-se de mim.

Então, este semestre eu tive aulas de Psiquiatria. Quando discutimos sobre Fobia Social, a minha professora parecia estar descrevendo minha personalidade, o meu comportamento nos últimos meses! F ***! Uma epifania aconteceu! Eu sou um sociofóbico! Depois disso, procurei ajuda psicológica (a minha escola oferece atendimento psicológico / psiquiátrico livre desde que uma pesquisa revelou que, em nossa Universidade, que foram os alunos que mais tentam suicídio durante o curso ... Boas perspectivas!) E agora, na minha primeira consulta , ela acha que eu preciso de um psiquiatra para me receitar algum medicamento ansiolítico.

Bem, eu já contei esta história para explicar que, exceto pelo meu terapeuta, ninguém sabe sobre a minha condição: eu sou gay, eu nunca fiz sexo e eu nunca beijei ninguém! Quando eu tinha 16, 18, eu pensei que isso iria acontecer naturalmente, como acontece com todos, mas isso não aconteceu e eu tenho quase 24 anos de idade! Eu me mudei para fora da minha cidade para a maior cidade (São Paulo) do meu país, agora eu vivo perto de um bairro gay onde eu passar por todos os dias durante a minha caminhada para a universidade e eu viajei para São Francisco (meca gay! há duas semanas), mas nada acontece! Quero dizer, eu raramente sair para qualquer boate ou bar e alguns caras tentam se aproximar de mim, mas a minha timidez excessiva, não me deixe ir em frente e eu apenas consigo evitá-los ...

Quando alguma pessoa, principalmente homens, iniciar uma conversa comigo, muitos pensamentos de insegurança surgem, alguns sintomas autonômicos aparecer ea baixa auto-estima enche minha mente. É realmente difícil de fazer contato com alguém quando todos fazem você se sentir assim! Além disso, minha personalidade é muito dependente da aprovação dos outros (eu sei que o que é importante é a minha felicidade, **** o que os outros pensam, mas isso é mais fácil dizer do que fazer), então eu tenho um medo enorme de decepcionar as pessoas que são importantes para mim.

Agora, especialmente nos fins de semana, eu venho para a minha casa e me sinto mal e depressivo, porque, enquanto as pessoas da minha idade estão aproveitando os melhores dias de suas vidas, eu estou assistindo TV, estudando ou fazendo outra tarefa solitária.

Eu só espero que a minha terapia trabalhar fora e me deixe sair deste armário de ansiedade e vergonha de ser quem eu sou! Eu não agüento mais isso! Algumas palavras de esperança??

neonguy

Mensagens : 1
Data de inscrição : 28/10/2012
Idade : 28
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Eu sou um gay enrustido e sociofóbico virgem aos 24 anos!

Mensagem  Foxrock em Seg Nov 05, 2012 8:46 am

neonguy escreveu:Eu descobri que eu era gay quando eu tinha 14 anos, por isso estou um armário por quase 10 anos (e contando ...) Nestes anos, a minha vida está sendo muito chato, eu tenho aquela sensação de que estou perdendo minha juventude. Houve algumas grandes viagens, eu fiz alguns amigos especiais e estudo numa boa universidade, mas ... Por que há sempre um mas! Mas, desde a minha adolescência, eu me tornei mais e mais tímido, evitando pessoas e alguns amigos agradáveis afastaram-se de mim.

Então, este semestre eu tive aulas de Psiquiatria. Quando discutimos sobre Fobia Social, a minha professora parecia estar descrevendo minha personalidade, o meu comportamento nos últimos meses! F ***! Uma epifania aconteceu! Eu sou um sociofóbico! Depois disso, procurei ajuda psicológica (a minha escola oferece atendimento psicológico / psiquiátrico livre desde que uma pesquisa revelou que, em nossa Universidade, que foram os alunos que mais tentam suicídio durante o curso ... Boas perspectivas!) E agora, na minha primeira consulta , ela acha que eu preciso de um psiquiatra para me receitar algum medicamento ansiolítico.

Bem, eu já contei esta história para explicar que, exceto pelo meu terapeuta, ninguém sabe sobre a minha condição: eu sou gay, eu nunca fiz sexo e eu nunca beijei ninguém! Quando eu tinha 16, 18, eu pensei que isso iria acontecer naturalmente, como acontece com todos, mas isso não aconteceu e eu tenho quase 24 anos de idade! Eu me mudei para fora da minha cidade para a maior cidade (São Paulo) do meu país, agora eu vivo perto de um bairro gay onde eu passar por todos os dias durante a minha caminhada para a universidade e eu viajei para São Francisco (meca gay! há duas semanas), mas nada acontece! Quero dizer, eu raramente sair para qualquer boate ou bar e alguns caras tentam se aproximar de mim, mas a minha timidez excessiva, não me deixe ir em frente e eu apenas consigo evitá-los ...

Quando alguma pessoa, principalmente homens, iniciar uma conversa comigo, muitos pensamentos de insegurança surgem, alguns sintomas autonômicos aparecer ea baixa auto-estima enche minha mente. É realmente difícil de fazer contato com alguém quando todos fazem você se sentir assim! Além disso, minha personalidade é muito dependente da aprovação dos outros (eu sei que o que é importante é a minha felicidade, **** o que os outros pensam, mas isso é mais fácil dizer do que fazer), então eu tenho um medo enorme de decepcionar as pessoas que são importantes para mim.

Agora, especialmente nos fins de semana, eu venho para a minha casa e me sinto mal e depressivo, porque, enquanto as pessoas da minha idade estão aproveitando os melhores dias de suas vidas, eu estou assistindo TV, estudando ou fazendo outra tarefa solitária.

Eu só espero que a minha terapia trabalhar fora e me deixe sair deste armário de ansiedade e vergonha de ser quem eu sou! Eu não agüento mais isso! Algumas palavras de esperança??

Acho questionável o ''enquanto as pessoas da minha idade estão aproveitando os melhores dias de suas vidas'', essas pessoas talvez lhe passem a sensação de felicidade e plenitude mas, nunca se sabe realmente como é a vida do outro. Talvez esse comportamento que você percebe como curtir a vida seja um escapismo, socializar é importante mas, tapar buracos emocionais vivendo através do outro, buscar refúgio e anonimato em um coletivo não me parece nada bacana. Você está se descobrindo e dando atenção aos seus sentimentos e necessidades, isso é viver. Olhar para dentro e se conhecer é fundamental do para poder trocar com os outros. Entendo a sua frustração, somos dois nessa batalha, sou um pouco mais velho que você, passei por isso que você está vivendo e posso te afirmar que a mudança demora mas vem. Agora, depende de você. É, tem esse pequeno detalhe. A sua fobia é perfeitamente normal e muitas pessoas passam pela mesma situação diariamente, não se afobe que você não está sozinho nessa parada. Um conselho, boate/balada/night o que quer que seja, não é lugar para encontrar um parceiro em potencial/relação adulta e etc. As pessoas vão ali justamente buscando o efêmero, o superficial, o tesão passageiro, o sexo pelo sexo. Não julgo, se é isso que você procura, então vá e experimente. Mas saiba que isso não preencherá o vazio, não vai fazer a vida parecer mais fácil e no fim das contas você acaba se sentindo meio usado. Qualidade e quantidade nunca andam de mãos dadas.
Se colocar no mundo de hoje, sendo jovem e gay não é mole mesmo, dá medo, parece que não vai dar pé. Entretanto, existe um outro lado, o que não dá medo, o que vale a pena, onde o 'sol brilha'. Pressão/cobrança social vai sempre existir, aprenda a lidar para lutar por uma vida melhor. Se você beijou, não beijou, trepou, não trepou, ficou, não ficou, pegou, não pegou... Isso NÃO tem a menor importância, ninguém está anotando isso em um caderninho ou conferindo, a vida NÃO é uma competição. Sexo é maravilhoso mas não é tudo, tem muitas outras coisas para descobrir, não coloque uma coisa tão simples e boa em um pedestal e acima de tudo não torne isso um martírio. Você VAI encontrar alguém bacana, que te ame também, que possa dividir com você esses medos e inseguranças, muito provavelmente, vai ser alguém tão inseguro quanto você. A beleza está nas imperfeições. "Mas por que demora tanto?" você pergunta. Bom, como tudo na vida, você tem que correr atrás – sem pressa e sem afobação. Você não precisa ir muito longe, não precisa se forçar a nada, a se transformar em uma outra pessoa só para encontrar alguém. Muitas vezes ESSE é justamente o maior erro. Do que você gosta? Qual é o seu livro favorito? Que estilo de música você mais curte? Por que? Descubra o que te move, saia mais, vá ao cinema, sozinho mesmo, curtir a sua própria companhia pode ser divertido também, vá a uma livraria, tome um café num lugar bacana. Descubra espaços/lugares acolhedores na sua cidade, lugares que tem haver com você, com seus interesses. Não curte café? Nem Cinema? Nem literatura? Vá ao teatro, saia para um passeio pela cidade mesmo, ande por ruas que você não conhece, todo dia, faça um percurso diferente de casa para o trabalho/faculdade. Aprenda algo novo, uma língua nova, aprenda a tocar um instrumento... Grandes transformações se dão através das pequenas coisas. A sua fobia social não é impedimento, não faça disso um cavalo de batalha, você tem ai dentro as respostas que precisa, o outro é o outro. Viva a SUA vida, faça o SEU tempo, aprovação dos outros? Já fui assim, não vale a pena. Cedo ou tarde a gente acaba decepcionando alguém, não dá para agradar a todos o tempo inteiro. Acho melhor EU me sentir feliz por ter feito uma escolha bacana para a MINHA vida do que ficar me contorcendo de arrependimento por que essa mesma escolha não agradou alguém. Aprenda a usar o famoso "FODA-SE", é a tua vida rapaz, ninguém tá ai dentro do teu corpo, vendo o que você vê, sentindo o que você sente além de você. Foda-se os outros e o que eles pensam. Em tempo, o amor como tudo mais na vida é imprevisível, pode aparecer quando você menos espera e vindo de lugares que você nem imagina. Esteja aberto, atento e acima de tudo: em paz com você. Se aceite como você é, gordo, magro, alto, baixo, com fobia social ou não, ansioso ou não, te garanto que vai ter alguém que vai justamente achar legal a sua timidez. Ser tímido pode ser um charme.

Seja feliz.
"Big things have small beginnings".
avatar
Foxrock

Mensagens : 1
Data de inscrição : 05/11/2012
Idade : 31

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Eu sou um gay enrustido e sociofóbico virgem aos 24 anos!

Mensagem  Dionathan em Qui Jun 06, 2013 6:40 am

Tenho 20 anos e estou na mesma situaçao. Sou gay, virgem e com uma forte fobia social. Não saio e não sei me arrumar, então fica dificil encontrar alguem. Mas tenho fé que minha vida vai mudar, darei tempo ao tempo. Vou torçer por você.

Dionathan

Mensagens : 1
Data de inscrição : 06/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Eu sou um gay enrustido e sociofóbico virgem aos 24 anos!

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum